ANIMAIS IRÃO PARA O CÉU?

29/07/2017

 

ANIMAIS IRÃO PARA O CÉU?

 

“O lobo e o cordeiro se apascentarão juntos, e o leão comerá palha como o boi; e pó [será] a comida da serpente. Não farão mal nem dano algum em todo o meu santo monte, diz o SENHOR.” ISAIAS 65:25

 

A afeição pelos animais é algo muito bonito. A Bíblia fala do cuidado protetor de Deus pelos animais:

SALMOS 104:21 “Os leõezinhos bramam pela presa, e de Deus buscam o seu sustento.”

DEUTERONÔMIO 22:6 “Quando encontrares pelo caminho um ninho de ave numa árvore, ou no chão, com passarinhos, ou ovos, e a mãe posta sobre os passarinhos, ou sobre os ovos, não tomarás a mãe com os filhotes.”

MATEUS 6:26 “Olhai para as aves do céu, que nem semeiam, nem segam, nem ajuntam em celeiros; e vosso Pai celestial as alimenta. Não tendes vós muito mais valor do que elas?”)

Porém muitas pessoas sem conhecimento do que a Bíblia diz, saem afirmando que animais quando morrem vão para o céu, muitas das vezes por terem criado uma afinidade sentimental com tais bichos de estimação que acabam tentando sobrepor o que a Palavra de Deus afirma. Vamos ver o que a Bíblia diz sobe o assunto tão polêmico.

 

O QUE DIZEM OS DEFENSORES DE QUÊ OS ANIMAIS IRÃO PARA O CÉU

 

ISAÍAS 11:6 “E morará o lobo com o cordeiro, e o leopardo com o cabrito se deitará, e o bezerro, e o filho de leão e o animal cevado [andarão] juntos, e um menino pequeno os guiará.”

ISAÍAS 65:25 “O lobo e o cordeiro se apascentarão juntos, e o leão comerá palha como o boi; e pó [será] a comida da serpente. Não farão mal nem dano algum em todo o meu santo monte, diz o SENHOR.”

Dizem eles que estes textos estão afirmando que os animais moraram em perfeita harmonia no céu juntamente com os homens e suas famílias.

REFUTAÇÃO: A Bíblia deixa claro neste texto que durante o milênio aqui na terra os animais que estiverem vivos terão uma natureza diferente da atual pois haverá paz total e real durante o reino de Cristo aqui na terra. Observe que o texto em Isaías 65:25 se referência ao SANTO MONTE e não ao céu!

 

ECLESIASTES 3:19-21

3:19 Porque o que sucede aos filhos dos homens, isso mesmo também sucede aos animais, e lhes sucede a mesma coisa; como morre um, assim morre o outro; e todos têm o mesmo fôlego, e a vantagem dos homens sobre os animais não é nenhuma, porque todos [são] vaidade.

3:20 Todos vão para um lugar; todos foram [feitos] do pó, e todos voltarão ao pó.

3:21 Quem sabe que o fôlego do homem vai para cima, e que o fôlego dos animais vai para baixo na terra?

Eles afirmam categoricamente que Salomão sendo o homem mais sábio que já existiu mostra que para onde o homem for os animais também irão, isto é, para o céu.

REFUTAÇÃO: O escritor de Eclesiastes está fazendo uma explanação sobre a vaidade do homem e que quando ele morrer será igual a qualquer outro homem ou animal voltando a ser pó! Em lugar nenhum do texto está se falando sobre céu ou paraíso.

 

APOCALIPSE 4:7 “e o primeiro ser era semelhante a um leão; o segundo ser, semelhante a um touro; tinha o terceiro ser o rosto como de homem; e o quarto ser era semelhante a uma águia voando.”

João quando teve uma visão do céu com animais e Jesus mandou ele escrever para ficar registrado que os animais estarão no céu.

REFUTAÇÃO: João teve uma visão do futuro como seria os últimos dias e descreveu o que ele viu como com o que ele achava que parecia “semelhante”. Em lugar nenhum João diz que viu animais no céu a não ser quando ele declara que viu Jesus montado em um cavalo branco se referenciando ao líder (general) de uma guerra, pois na época de João as guerras eram a pé e somente o comandante podia montar um cavalo branco para diferenciar dos outros. Foi assim que João diferenciou quem era o líder da batalha.

 

VAMOS ENTENDER O QUE A BÍBLIA DIZ

 

            Quando Deus formou os animais Ele ordenou que a terra, as águas e os céus dessem (gerassem) animais segundo a sua espécie, porém ao fazer o homem Ele mesmo formou-o do pó da terra e soprou o espírito de vida nas suas narinas (GÊNESIS 1:26-27).

Todo ser humano tem um espírito que lhe dá vida e é distinto da vida dos animais. Os animais têm uma NEPHESH (GÊNESIS 1:20), mas os seres humanos têm uma NESHAMAH. Deus fez o homem diferente dos animais por ter nos criado “à imagem de Deus” (GÊNESIS 1:26-27).

As palavras NEPHESH e NESHAMAH no português são homógrafos (têm o mesmo nome, porém com significados diferentes) e quando traduzidas significam ALMA.

A NESHAMAH do homem é diferente da dos animais. Portanto, o homem é capaz de pensar, sentir, amar, projetar, criar e desfrutar de música, humor e arte. E é por causa do espírito humano que temos um “livre-arbítrio” que nenhuma outra criatura na terra tem.

Segundo LEVÍTICO17:13-14 “Também qualquer homem dos filhos de Israel, ou dos estrangeiros que peregrinam entre eles, que caçar animal ou ave que se come, derramará o seu sangue, e o cobrirá com pó;”

“Porquanto a vida de toda a carne é o seu sangue; por isso tenho dito aos filhos de Israel: Não comereis o sangue de nenhuma carne, porque a vida de toda a carne [é] o seu sangue; qualquer que o comer será extirpado, a alma do animal está no sangue.”

 

 

 

 

A alma do homem está na junção do corpo e do espírito que Deus soprou nas suas narinas (GÊNESIS 2:7). Quando morre o homem o seu espírito deixa o corpo e acaba esta junção. Por isso quando Jesus vier fará com que todo o corpo seja ressuscitado para ter junção com o espírito e serem julgados no corpo, alma e espirito. Por isso a referência de Mateus 10:28 onde no inferno queimaram a alma e o corpo

MATEUS 10:28 “E não temais os que matam o corpo e não podem matar a alma; temei antes aquele que pode fazer perecer no inferno a alma e o corpo.”

 

Os textos do diluvio os quais afirmam que os homens e os animais morreriam os chama todos de alma vivente e/ou espirito de vida apenas para  que todos morrerão não ficando ninguém nem nada vivo fora da arca. (a não ser os peixes é obvio, pois somente morrerão os que estavam em terra seca)

GÊNESIS 1:30 ”E a todo o animal da terra, e a toda a ave dos céus, e a todo o réptil da terra, em que há alma vivente, toda a erva verde [será] para mantimento; e assim foi.

GÊNESIS 6:17 “Porque eis que eu trago um dilúvio de águas sobre a terra, para desfazer toda a carne em que [há] espírito de vida debaixo dos céus; tudo o que há na terra expirará.”

GÊNESIS 7:15 “E de toda a carne, em que havia espírito de vida, entraram de dois em dois para junto de Noé na arca.”

GÊNESIS 7:22 “Tudo o que [tinha] fôlego de espírito de vida em suas narinas, tudo o que [havia] em [terra] seca, morreu.”

 

E para encerrar porque Deus que não faz acepção colocaria os animais terrestres e não os marinhos, pois em Apocalipse 21:1 João viu apenas novo céu e nova terra, portanto entende-se que não tinha novo mar. (APOCALIPSE 21:1 “E VI um novo céu, e uma nova terra. Porque já o primeiro céu e a primeira terra passaram, e o mar já não existe.”)

 

CONCLUSÃO

Quando entendermos que o importante é a difusão do evangelho e nos atentarmos sobre o que a bíblia ensina sobre santidade e santificação, e colocarmos em pratica nas nossas vidas. Começaremos a entender o céu e vivermos uma realidade espiritual sem complicações ou confusões de interpretação. Vivamos o evangelho puro e genuíno.

 

Pr. Lourival Almeida

 

 

 

Nenhum Comentário

Os comentários estão fechados.